Como participar

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Depoimentos

Vinícius Amorim Branquinho
(aluno CEFET)

“Meu nome é Vinícius Amorim Branquinho faço parte do grupo Assum Preto e sou do 1º B.Eu me interessei pelo grupo o ano passado quando entrei no CEFET e no dia do trote teve uma apresentação do grupo e eu achei muito interessante todos ali estarem no palco sem nenhuma vergonha, já que eu sempre fui muito tímido e não dava nem bom dia às pessoas por causa da minha timidez.Com o Assum Preto eu cresci muito como pessoa, como cidadão, pois passei a ser mais educado com as pessoas e perdi muito da minha timidez que só me prejudicava.Acho a nossa cultura muito interessante e gosto muito do Assum justamente por divulgar a nossa cultura de raiz”.
Matheus Ruza
(ex aluno do CEFET)


“Usualmente, as pessoas reclamam da situação cada vez mais anti-social do nosso mundo. Aqui, no Campus III do CEFET-MG, a partir da iniciativa da professora de Artes, Renata, nós podemos parar de reclamar e agir. Ações, tais como a dança e a música, resgatam a cultura da região, do país, do estado. A nossa cultura e o lado humano do ser têm sido trabalhados com o intuito de sermos melhores cidadãos. A formação acadêmica é importante. Mas de nada vale se não formos humanos sensatos. Apesar do horário apertado, das exigências que se fazem por natureza e da relativa falta de apoio, ainda existente no município, o ‘Assum Preto’ sobrevive, voluntariamente, cada vez mais bonito. Esta é a beleza da vida e não pode deixar de ser apoiada”.

Lidiane da Silva Lopes
(ex-aluna do CEFET)


“O Assum Preto é um projeto de extensão cultural que visa a intervenção de várias culturas. Ele trabalha não só a parte musical e teatral, como também ajuda as pessoas a se relacionarem melhor uma com as outras, conhecerem outras realidades sem ser a que vivem no dia-a-dia. E porque não, se divertirem, deixando de lado o estresse causado pela intensa carga horária vivenciada na escola e fora dela também. Participar do “Assum Preto”, apesar de eu ainda ser iniciante, já tem sido uma experiência fantástica. Eu não só estou conhecendo novas culturas, como também aprendendo a conviver mais com as pessoas.”

“O Projeto de Extensão Social Assum Preto, desenvolvido em uma escola técnica, atua como um ponto importante para a socialização, desenvolvimento e motivação do indivíduo. A participação no projeto amplia uma série de características e valores positivos.
  
Nathani Neves Baesso (ex-aluna do CEFET)






As reuniões em meio às aulas são excelentes momentos de descontração e as apresentações em outros ambientes proporcionam efetiva integração social. Apesar das dificuldades, como a longa jornada escolar, os alunos participantes empenham-se na atividade, adquirindo res ponsabilidade. O projeto, além de trazer benefícios para os seus componentes, leva diversão, entretenimento e informação à comunidade. Em resumo, o papel do Assum Preto, hoje, têm sido de resgate da NOSSA cultura, que é pouco valorizada”.





Nenhum comentário:

Postar um comentário